A prática da terapia nutricional exige conhecimentos específicos por parte do profissional. É preciso identificar e prever riscos de subnutrição ou desnutrição hospitalar, levantar as necessidades e fazer a indicação da dieta. Em todos os processos, é comum que haja protocolos e regras a serem seguidas. Para garantir a segurança dos pacientes em nutrição parenteral e/ou enteral, obter o título de especialista em suporte nutricional é recomendado.

Essa titulação dá ao profissional a chancela necessária para diagnosticar e oferecer indicações para quadros de diversos tipos. Então, é fundamental conhecer quais são as etapas até conseguir essa titulação.

A seguir, entenda o que é preciso fazer para obter o título de especialista em suporte nutricional e entenda qual é melhor o caminho.

Qual é a importância da BRASPEN?

Também conhecida como SBNPE, a Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral é a principal instituição do ramo. Como foi fundada há mais de 40 anos, é a entidade que oferece titulações de especialistas específicas ao suporte nutricional.

Com uma prova robusta e uma análise completa do profissional, a instituição consegue definir quem está apto a exercer a função. Então, para quem deseja obter o título é obrigatório passar pela prova de qualificação para a obtenção do título de especialista.

Como é realizada a avaliação dos profissionais?

O principal elemento do processo para obter o título de especialista em suporte nutricional é a Prova de Título BRASPEN. Ela ocorre uma vez por ano, com inscrições que acontecem dentro de um período limitado. A aplicação da avaliação é possível para profissionais de Nutrição, Enfermagem, Farmácia, Medicina ou Medicina com especialização em Pediatria.

Além de realizar a inscrição na prova, é obrigatório apresentar o Curriculum Vitae. O CV deve seguir as orientações do edital, como ter a presença de capa e o requerimento de inscrição.

Também há uma tabela com pontuação para atividades científicas. Cursos, congressos, programas de educação e produção científica aumentam a soma. Cada um tem um peso e depende do nível de experiência. Todas as ações devem ser apresentadas no currículo, que também deve conter os documentos comprobatórios.

A análise de currículo tem peso 3 e a prova teórica, peso 7. Os solicitantes que atingirem a nota final mínima de 7 poderão ser titulados, desde que façam um mínimo de 60 pontos na prova.

Como o Instituto Cristina Martins pode ajudar?

A BRASPEN oferece chancela para cursos de outras entidades, desde que seja no escopo da área. Mas cada curso precisa passar por avaliação da instituição, que define uma pontuação. Os pontos são usados para a parte do currículo, no processo de certificação de título de especialista.

O Instituto Cristina Martins é um excelente exemplo de instituição que pode ajudá-lo na pontuação de cursos. Como têm a aprovação da BRASPEN, cursos específicos garantem pontos extras para quem deseja obter maiores chances de conquistar o título.

Além de tudo, realizar uma das alternativas oferecidas pelo instituto ajuda a melhorar a sua capacitação, favorece o preparo para a prova teórica e recheia a sua experiência do modo certo.

A conquista do título de especialista em suporte nutricional é possível ao unir um bom desempenho teórico e de currículo. Ao seguir essas orientações, você estará mais próximo de conseguir o efeito esperado.

Para ter outras informações relevantes, curta nossa página no Facebook e nos siga no Instagram!

Autor

Escreva um comentário